Como criar uma Composição de Custos Unitários

Olá Orçamentistas! No post de hoje vocês vão aprender a criar uma composição de custos unitários no Sistema de Orçamentos de Obras O Orçamentista.

Nem sempre encontramos, nos softwares ou nas bases de dados (como SINAPI, SEINFRA, ORSE…), todas as composições que necessitamos, devendo em alguns casos serem criadas novas composições.

Nesse tutorial, eu vou criar passo a passo uma composição de custos para o seguinte serviço: “Quadro de medição monofásico-baixa tensão, caixa em policarbonato e visor de vidro”. Antes de iniciarmos o processo de criação, nós vamos criar uma conta no Sistema O Orçamentista.

Criando uma conta no Sistema de Orçamentos de Obras O Orçamentista:

1º Passo – Clique aqui para acessar o sistema e selecione a opção “Novo cadastro grátis”.

2º Passo  Preencha o formulário com os dados solicitados. Em seguida, clique no botão “Registrar Grátis”.

3º Passo – Pronto! Sua conta foi criada com sucesso, falta apenas acessar o seu e-mail e realizar a ativação da conta.

4º Passo – Conta ativada com sucesso, já pode acessar o sistema.

5º Passo – Faça login sistema!

 

Criando uma composição de custos unitários:

1º Passo – Feito login no sistema, vamos iniciar a criação da composição, no menu COMPOSIÇÕES, vamos clicar em “Criar Nova”.

2º Passo – Na tela que se abre, vamos preencher os seguintes itens:

DESCRIÇÃO: QUADRO DE MEDIÇÃO MONOFÁSICO-BAIXA TENSÃO, CAIXA EM POLICARBONATO E VISOR DE VIDRO

TIPO: INEL – INSTALAÇÃO ELÉTRICA/ELETRIFICACAO E ILUMINAÇÃO EXTERNA

UNIDADE: UN

O próximo passo é selecionar o mês base e escolher o estado desejado. Você ainda pode inserir outras informações da composição utilizando o campo observação.

Outro recurso bastante interessante no sistema e o compartilhamento de composições próprias, no ato da criação eu posso escolher se quero ou não disponibilizar essa composição para os demais usuários registrados na base O Orçamentista, ou seja, o sistema pergunta se eu quero compartilhar essa composição que estou criando. Vou clicar em SIM, a composição será submetida a uma aprovação da equipe O Orçamentista, esse procedimento de aprovação evita duplicidades de composições. Vamos clicar em CRIAR COMPOSIÇÃO.

3º Passo – Nesta etapa, nós vamos identificar e inserir os insumos ou outras composições no serviço em questão. Vamos começar inserindo uma composição SINAPI, eu sei que para este serviço eu vou precisar de auxiliar de eletricista, então eu vou clicar em ADD COMPOSIÇÃO e escolher SINAPI.

Abriu a janela para que possamos inserir as informações, em descrição vamos digitar AUXILIAR DE ELETRICISTA, percebam que o sistema já lista algumas composições relacionadas ao assunto pesquisado, vamos selecionar o serviço AUXILIAR DE ELETRICISTA COM ENCARGOS COMPLEMENTARES.

Observe que são mostrados na tela o tipo, unidade e os valores unitários da composição. Agora, vamos informar o coeficiente (essa informação você consegue no banco de dados da construtora), o meu será 1, ou seja, eu vou gastar 1 hora de auxiliar de eletricista para concluir o serviço QUADRO DE MEDIÇÃO. Clique em INCLUIR COMPOSIÇÃO.

4º Passo – O próximo serviço que vamos inserir é a MÃO DE OBRA DE ELETRICISTA, vamos buscar esse serviço no banco ORSE, assim como o anterior, esse serviço também terá o coeficiente 1.

5º passo – Para finalizar a nossa composição, vamos inserir o insumo CAIXA PARA MEDIDOR MONOFASICO, EM POLICARBONATO (TERMOPLASTICO), esse será um insumo próprio, ou seja, eu fiz uma cotação de preço, não estou usando nenhuma referência de preço de indicadores como SINAPI, ORSE ou outros bancos.

Para que possamos inserir esse insumo, vamos criar um insumo próprio, no menu INSUMOS, vamos clicar em “Criar Novo”.

Agora, vamos informar a descrição do insumo, unidade, tipo, estado e o valor que eu cotei. Eu quero compartilhar esse insumo com os usuários cadastrados no sistema, clico em SIM e finalizo clicando no botão CRIAR INSUMO.

Nesta etapa, nós vamos inserir o insumo que acabamos de criar na composição QUADRO DE MEDIÇÃO:

– No menu COMPOSIÇOES vamos clicar em “Consulta”.

– Na tela que se abre, vamos procurar a composição que estávamos criando, vamos selecionar base PRÓPRIO e em DESCRIÇÃO vamos digitar QUADRO e clicar em CONSULTAR. Ponto! Apareceu a composição que estávamos criando, vamos clicar.

Agora, vamos clicar em EDITAR COMPOSIÇÃO, e vamos adicionar um INSUMO PRÓPRIO, que é o insumo que criamos anteriormente.

– Vamos pesquisar pelo insumo CAIXA PARA MEDIDOR, o coeficiente será 1. Para finalizar clique em INCLUIR INSUMO.

Pronto! Nossa composição está pronta. Confira atentamente todas as informações: base, código, descrição, tipo, unidade, mês, preço desonerado e preço não desonerado. Se desejarmos, podemos exportar a composição para o formato xls clicando no botão “Exportar Ecxel“.

Composição de Custos Unitários (BASE: Próprio)

O que você achou do Sistema de Orçamentos de Obras O Orçamentista? Conte para nós!

Qualquer dúvida entre em contato conosco.

Nossos grupos no WhatsApp:

Grupo 5 – Clique aqui para participar

Grupo 4 – Clique aqui para participar

Grupo 3 – Clique aqui para participar

Grupo 2 – Clique aqui para participar

Grupo 1 – Clique aqui para participar

1 ideia sobre “Como criar uma Composição de Custos Unitários

  • Muito bom, mas qual a metodologia que eu utilizo para o cálculo dos coeficientes, por exemplo, como eu cálculo um coeficiente de 0,004 de argamassa para assentamento de uma porta de alumínio, folha dupla, com visor em vidro, inclusive caixilho, dobradiças e fechadura sem guarnicao/alizar/vista? como é que eu sei que coef. do pedreiro é 1,5h e o do servente é 1,0h, para esse mesmo serviço?

    obrigado!!1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *